15 de abr de 2011

Mantendo a Paz Interior - Série mensagens que edificam


Mantendo a Paz Interior
1º Parte
"Tu conservarás em paz aquele cuja mente está firme em ti; porque ele confia em ti.
“Confiai no SENHOR perpetuamente; porque o SENHOR Deus é uma rocha eterna”. (Isaías 26.3,4)

Esta é uma promessa fantástica da Palavra de Deus! Ser conservado em paz significa não se desgastar interiormente diante dos problemas. Justamente nos dias em que tanto se fala sobre angustia, estresse, depressão e síndrome do pânico, encontrar um meio divino de se conservar em paz é algo por demais valioso.

Deus é um lugar de abrigo e refúgio para seus filhos. O texto sagrado o chama de uma "Rocha Eterna". Precisamos aprender a desfrutar de sua paz, mesmo em meio à tempestade. Note ainda que o versículo fala acerca de confiança e de uma mente firme, o que indica convicção. Esta promessa não significa deixar de ter problemas, e sim ter paz independentemente das circunstâncias à nossa volta.

Pior do que as circunstâncias difíceis do lado de fora é ter um coração perturbado do lado de dentro. Mesmo antes das circunstâncias se resolverem externamente, precisamos de nosso interior em paz. Do contrário, sequer conseguiremos lutar da forma devida:

"Se te mostrares frouxo no dia da angústia, a tua força será pequena." (Provérbios 24.10)

Quando você se encontra em meio a lutas e adversidades, seu verdadeiro problema não é o que acontece à sua volta, e sim a maneira como você é afetado no íntimo. A instrução bíblica nunca está voltada ao aspecto exterior, e sim em como reagir interiormente. Observe o que Jesus ensinou acerca disto:

"Tenho-vos dito isso, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo; eu venci o mundo.”  (João 16.33)

Ao falar sobre as aflições que enfrentaríamos, Jesus deixou claro qual era sua vontade: que tivéssemos paz nele e bom ânimo.

Enquanto muitos crentes se desesperam para resolver seus problemas, perdem de vista que a única coisa que realmente ajuda na hora da adversidade é manter a paz e o bom ânimo. Nossa força não vem de fora, não vem das circunstâncias. Nossa força vem de dentro! Veja o que Deus disse por boca do profeta Isaías:

"Porque assim diz o SENHOR Deus, o Santo de Israel: Em vos converterdes e em sossegardes, está a vossa salvação; na tranqüilidade e na confiança, a vossa força, mas não o quisestes."  (Isaías 30.15)

Aleluia! Na tranqüilidade e na confiança está a nossa força. Ouvi, certa ocasião, o irmão Dave Roberson afirmar que a paz de Deus em nosso íntimo é uma das maiores armas que temos contra o diabo e as circunstâncias. E acredito nisto! Nossa força vem de um coração tranqüilo, que não se abate diante dos problemas.

PROBLEMAS INTERNOS

Quando nos enchemos de temor, preocupação e receio, não só não resolvemos os problemas como acabamos criando mais um! Os temores nos ferem por dentro no mínimo o mesmo que os problemas nos ferem por fora. O apóstolo Paulo falou sobre isto num momento de grande luta pela qual passou:
"Porque, mesmo quando chegamos à Macedônia, a nossa carne não teve repouso algum; antes, em tudo fomos atribulados: por fora combates, temores por dentro". (2 Coríntios 7.5)

Ele afirmou que tanto lutava com os combates de fora como com os temores de dentro. O medo e a preocupação são aliados dos inimigos externos. Não só não os vencerão, como ainda minarão nossa força e nos conduzirão à derrota.

No Velho Testamento, Deus chamou esta parceria (do medo que fere por dentro da mesma forma que o problema fere por fora) de uma maldição a vir sobre os que se rebelam contra Ele:




Continua....